Igreja Adventista do Sétimo Dia de Americanópolis

Ellen Gould Harmon

Depois de Ellen retornar para Portland, foi-lhe mostrado que devia ir a Portsmouth no dia seguinte e apresentar a mensagem de advertência acerca do fanatismo e de falsos ensinos ao povo de lá. Sua irmã Sara e Tiago White deviam ir com ela. Nenhum deles tinha dinheiro para pagar a passagem de trem, mas Ellen se preparou para a viagem, confiando em que o Senhor abriria o caminho.

No momento em que colocou o chapéu, ouviu o primeiro apito de aviso do trem – a estação ficava a apenas duas ou três pequenas quadras de distância. Ela olhou pela janela e viu um vizinho vindo pela rua na sua carroça, conduzindo-a rapidamente. Parando em meio a uma nuvem de poeira diante do portão dos Harmon, correu para dentro da casa perguntando, agitado: – Alguém aqui está precisando de dinheiro? Fui impressionado com o fato de que alguém aqui precisava de dinheiro.

Rapidamente lhe explicaram que o Senhor os chamara para ir a Portsmouth, mas não tinham o dinheiro da passagem. Estavam prontos para ir, confiando em que Deus abriria o caminho. O fiel irmão entregou dinheiro suficiente para a viagem dos três a Portsmouth, ida e volta.

– Subam na carroça e os levarei à estação – disse ele, sem fôlego…

Quer saber o fim da história? O livro “Retrato dos Pioneiros” (Norma J. Collins, CPB, 2007) torna reais detalhes inspiradores da vida dos primeiros adventistas.

Um pouco da Palavra

“As coisas que são impossíveis aos homens são possíveis a Deus.”
(Lucas 18:27)